Se você também não sabe onde mais colocar seus colares e está cansada de ficar desembaraçando eles toda vez que for usar, esse porta colares vai resolver a sua vida (ou pelo menos no que diz respeito aos colares!rsrs).

Esse projeto usa materiais fáceis de serem encontrados e baratos. Materiais:

  • 01 pedaço de madeira de tamanho suficiente para seus colares. No meu caso usei 50x60cm.
  • Puxadores de resina
  • 01 prego bem fino
  • Martelo
  • 01 gancho para pedurar quadros
  • Tinta acrílica ou guache
  • Fita washi (para a moldura)

Como fazer:

  1.  Pinte os puxadores da cor desejada. Para a cor ficar bem forte, eu mergulhei cada um dos puxadores na tinta e deixei secar escorrendo o excesso. Deixe de lado por 24 horas ou até secar por completo.
  2. Na madeira, marque onde você quer prender os puxadores, é neles que você vai pendurar os colares, então calcule pelo comprimento de seus colares. No meu caso os prendi em duas alturas diferentes pois queria que a madeira ficasse mais preenchida. Neles eu separo os colares mais compridos dos mais curtos.
  3. Com o martelo e o prego faça furinhos nos locais demarcados. Não precisam ser muito profundos, somente o suficiente para depois você conseguir encaixar a ponta do puxador. Arranque o prego de cada furo.
  4. Também com o martelo, prenda na parte de trás o gancho para pendurá-lo na parede no centro da parte superior.
  5. De volta a parte frontal da madeira, pegue os puxadores já pintados e encaixe-os nos furinhos uma a um. Com a rosca do próprio puxador, rosqueie-os abrindo os furos.
  6. Pronto, agora o seu porta-colares está quase pronto e a parte mais difícil já acabou. Escolha o lugar para pendurar, coloque um prego na parede e pendure-o.
  7. Para dar o acabamento final, use a fita washi (vela no post Decorando com washi tape) para fazer uma moldura.

DIY--porta-colares03

DIY--porta-colares02

DIY--porta-colares01

 

Veja outros projetos Faça Você mesmo com Washi tape aqui.

 

Comments

comments

Marília

Marília Bettin - arquiteta especializada em sustentabilidade. Já morou na Itália, Estados Unidos, Canadá e Brasil e nas suas andanças acompanha as melhores tendências de design de interiores, arquitetura e sustentabilidade.